OPERAÇÃO PIRATAS DO CATUNÉ APREENDE ACUSADO DE ASSALTO A BANCO

A equipe da 38ª Delegacia de Polícia Civil da Comarca de Tombos, sob o comando da Autoridade Policial da Comarca, Dr. Diêgo Candian Alves, deu ensejo, nesse final de tarde do dia 10 de julho de 2015, a "OPERAÇÃO PIRATAS DO CATUNÉ", na qual foi dado cumprimento a dois mandados de prisão preventiva, expedidos pelo Juízo de Tombos, com o parecer favorável do Ministério Público local, em desfavor de um autor de 25 anos, residente em Fervedouro/MG e outro investigado de 22 anos, domiciliado em Vieiras/MG, suspeitos de terem praticado um crime de roubo à mão armada, no dia 26 de março de 2014, por volta das 12:00 horas, em um estabelecimento bancário, no distrito de Catuné, comarca de Tombos. O homem de 22 anos, suspeito por ter apontado a arma de fogo e noticiado o assalto, obrigando a vítima que lhe repassasse determinada quantia em dinheiro, já se encontrava acautelado, por crimes de roubos à mão armada ocorridos nas comarcas de Eugenópolis, Miradouro e Tombos. Já o outro investigado, apontado como o indivíduo que dirigia a motocicleta para o seu comparsa agir, enquanto aguardava no lado externo da agência bancária, foi preso, nessa data, por policiais civis, enquanto trabalhava em um sítio, na área de Tombos. Os suspeitos encontram-se à disposição da Justiça. A pena do roubo qualificado é de reclusão de 04 (quatro) a 10 (dez) anos e multa, aumentada de 1/3 (um terço) até 1/2 (metade).

Fonte: Polícia Civil de Tombos 

Nenhum comentário:

Postar um comentário