Febre Maculosa e os destemidos banhistas tombenses


Não é de hoje que os órgãos governamentais vêm alertando a população sobre os riscos da febre maculosa. A mesma, transmitida por carrapatos estrela já vitimou vários munícipes tombenses, levando até a óbito. Esses parasitas são comumente encontrados em beiras de rios, principalmente nos rios que cortam nossa cidade. Transmitido em geral por capivaras que rondam a região e até outros animais que sirvam de locomoção e lastro. 

Visto todos estes princípios, os órgãos de saúde começaram a conduzir a causa com ainda mais afinco, distribuindo panfletos informativos, organizando palestras e até colocando placas em locais frequentes. Foi o caso do Grilo. O mesmo possui riscos de manifestação de carrapatos. Mas o que chama mais atenção é que todos já estão à alerta e continuam frequentando o local, principalmente banhistas, como se vê na imagem acima. Risco Iminente.


Segundo banhistas, a placa que antes estava fixada no local avisando sobre a transmissão da doença não se encontra mais no seu devido lugar. Vítima de vandalismo, a mesma que antes servia de alerta a população, hoje não desempenha a mesma função. Compare a imagem acima, que refere-se ao local exato onde se fixava a placa e abaixo a algum tempo atrás registrado.


Nenhum comentário:

Postar um comentário